Estudo inédito faz um raio-X do radioamadorismo no Brasil

Publicamos abaixo um estudo inédito realizado pelo colega radioamador Ricardo Benedito, PU2RKA, com a colaboração da LABRE, no qual é feito um verdadeiro “raio-X” no radioamadorismo do Brasil, chamado “RADIOAMADORES E ESTAÇÕES NO BRASIL: QUANTOS SÃO E ONDE ESTÃO? ESTUDO DOS DADOS ABERTOS DA ANATEL ATÉ 2019”.

ATUALIZAÇÃOAtendendo a pedidos, foi acrescentado ao estudo com uma terceira parte complementar contendo dados sobre as mulheres radioamadoras (YLs) e sua distribuição.

Tomando como base dados oficiais publicados pela ANATEL, o trabalho é composto por diversos gráficos contendo informações antes desconhecidas por nós, o que irá colaborar para que a LABRE possa conhecer melhor os radioamadores brasileiros e sua distribuição em todo o território nacional.

Dividido em duas partes, na primeira é tratada a questão do número de radioamadores brasileiros, composto apenas por pessoas físicas portadoras de COER, e na segunda parte, as estações licenciadas, cujas outorgas podem também incluir clubes, associações e outras pessoas jurídicas. Nos gráficos, de fácil entendimento, Ricardo lista a quantidade de radioamadores e de estações licenciadas por estado, por cidade, por 100 mil habitantes, por classe, etc. Há até um curioso gráfico contendo os nomes mais comuns no radioamadorismo.

Ricardo, que é professor do Curso Engenharia de Energia da Universidade Federal do ABC e tornou-se radioamador recentemente, elaborou o estudo e gentilmente o remeteu à LABRE. Após alguns pequenos ajustes, apresentamos agora aos radioamadores brasileiros. Para baixar o estudo, clique no link abaixo:

A LABRE agradece ao colega Ricardo PU2RKA pelo excelente serviço prestado ao radioamadorismo brasileiro e pela confiança em compartilhá-lo conosco.

 

Fonte: www.labre.org.br

Labre

Liga de Amadores Brasileiros de Rádio Emissão

Deixe uma resposta